Entrevista: Privatização da Eletrobrás, retrocesso para o setor elétrico

A Câmara dos Deputados aprovou na madrugada do dia 20 de maio por 313 votos a privatização da Eletrobrás, maior estatal elétrica da América Latina. Para discutir o tema, a Rádio Educadora recebeu no estúdio durante o programa Roda Viva Wellington Diniz, diretor jurídico do Sindicato dos Urbanitários do Maranhão e membro da Coordenação do Coletivo Nacional dos Eletricitários e da Intersindical Norte.

O CNE e o sindicato dizem que caso a Medida Provisória 1031/21que dispõe sobre a desestatização da empresa Centrais Elétricas Brasileiras S.A. (Eletrobrás)seja aprovada no Senado vai haver um retrocesso para o setor elétrico brasileiro e para a população, que poderá ser penalizada com o aumento na conta de luz.Para entender melhor sobre as consequências dessa privatização, quando uma estatal é privatizada, ou seja, muda seu capital de público para privado ela deixa de ter a regulamentação do Estado e com isso a população deixa de ter assistência. O mercado privado tem liberdade total para ditar os valores que bem entender.

Wellington Diniz ainda disse durante a entrevista que além de ser prejudicial à população será ruim para os funcionários da Eletrobrás que correm risco de demissões. Com a privatização aquelas pessoas beneficiárias do Bolsa Família que tem direitos a subsídios de até 60% também ficarão sem esse auxilia, em suma, a privatização só é vantajosa para uma parcela muito pequena, os que estarão no controle.

Questionado sobre o motivo do sindicato e do coletivo serem contra, Wellington disse que eles não concordam com a entrega do bem patrimônio brasileiro para entidades privadas. Eles não se opõem a abertura do capital para essas empresas, mas acreditam que estas não devem ser detentoras majoritárias das ações, uma vez que desse modo poderão praticar preços bem acima dos praticados hoje.

Confira a lista dos deputados federais que foram a favor e contra a Medida Provisória 1031/21.

Votaram SIM:

André Fufuca(PP)

Aluisio Mendes(PSC)

Cleber Verde(Republicanos)

Dr. Gonçalo(Republicanos)

Edilazio Junior(PSD)

Gastão Vieira(PROS)

Gil Cutrim(Republicanos

João Marcelo S.(MDB)

Josimar Maranhãozinho(PL)

Aluisio Mendes(PSC)

André Fufuca(PP)

Marreca Filho (Patriota)

Pastor Gil(PL)

Junior Lourenço(PL)

Votaram Não:

Hildo Rocha (MDB)

Josivaldo JP (Podemos)

Bira do Pindaré (PSB)

Zé Carlos (PT)

Para mais detalhes acesse: https://salveaenergia.com.br/

Sobre Redação Educadora

Verifique também

Junho Vermelho: Campanha incentiva doação de sangue

No mês de conscientização sobre a doação de sangue os apresentadores do programa “Roda Viva” …

Deixe uma resposta