Inscrições para o Sisu começam nesta segunda-feira (22)

Com informações do G1.com

As inscrições no processo seletivo para o Sisu 2024, programa do Ministério da Educação (MEC) que seleciona estudantes para universidades públicas do país, começam nesta segunda-feira (22) e vão até quinta-feira (25).

O programa tem duas mudanças importantes:

  • Neste ano, terá apenas uma edição: só agora em janeiro. Não haverá mais o processo seletivo que era realizado no meio do ano.
  • Além disso, as regras para a adesão por meio de cotas também mudaram.

Datas do Sisu

Pela primeira vez, o Sistema de Seleção Unificada terá uma edição única. Com isso, a seleção de candidatos para o segundo semestre letivo de 2024 vai acontecer nas mesmas datas da seleção para o primeiro semestre

Portanto, para todos que quiserem se candidatar a vagas em universidades públicas pelo Sisu neste ano, o cronograma será o seguinte:

  • Inscrições: 22 a 25 de janeiro de 2024
  • Resultados da 1ª chamada: 30 de janeiro de 2024
  • Matrículas: 1º a 7 de fevereiro de 2024
  • Participação na lista de espera: manifestar interesse entre 30 de janeiro e 7 de fevereiro de 2024
  • Resultado das listas de espera: datas serão definidas por cada universidade

➡Quem está apto a participar? Alunos que tenham feito o Enem 2023 e tirado nota acima de zero na redação. Treineiros não serão aceitos.

Opções de vaga

No ato da inscrição, o candidato deve selecionar até duas opções de curso ou universidade, que podem ser alteradas quantas vezes quiser, desde que entre 22 e 25 de janeiro.

Valerão as opções que estiverem marcadas no sistema às 23h59 do dia 25, quando o prazo de inscrição se encerra.

Uma dica é monitorar as notas de corte parciais divulgadas pelo Inep a cada madrugada. Elas dão uma boa noção das chances de classificação em cada curso.

 Mudança nas cotas

O Sisu oferece vagas via Lei de Cotas para pretos, pardos, indígenas, quilombolas e pessoas com deficiência. Mas, neste ano, foram anunciadas algumas mudanças para a candidatura a essas vagas:

  • Todos os candidatos concorrerão, primeiramente, às vagas de ampla concorrência.
  • Caso não alcancem as notas nesta modalidade e façam parte de algum dos grupos de cotas (os critérios são de raça e de renda), aí, sim, entrarão na disputa pelo benefício.
  • Com isso, se uma pessoa autodeclarada preta, por exemplo, tirar uma nota mais alta que a exigida na ampla concorrência, será aprovada na “lista geral” e não tirará a vaga de um cotista com desempenho mais baixo.

Até o Sisu 2023, quem tinha direito às cotas já participava, desde o início, de uma classificação à parte, separada da ampla concorrência.

Total de vagas do Sisu

Neste ano, o Sisu contará com 264.360 vagas, distribuídas entre 127 instituições de educação superior.

A UFMA ocupa a décima posição na lista de instituições que oferecem vagas no sistema de seleção unificada.

As vagas ofertadas serão distribuídas em 92 cursos de graduação presenciais. As vagas são para os campi da instituição localizados nas cidades de Bacabal, Balsas, Chapadinha, Codó, Grajaú, Imperatriz, Pinheiro, São Bernardo e São Luís.

Das vagas, 3.089 vagas serão reservadas para estudantes pretos, pardos, indígenas e quilombolas e pessoas com deficiência. De acordo com a UFMA, 2.795 vagas serão disponibilizadas para a modalidade ampla concorrência.

Quantitativo de vagas por instituição

POSIÇÃO POR Nº DE VAGAS INSTITUIÇÃO Nº DE VAGAS
1 Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) 9.240
2 Universidade Federal Fluminense (UFF) 8.788
3 Universidade Federal da Paraíba (UFPB) 7.750
4 Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) 7.186
5 Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) 7.012
6 Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) 6.309
7 Universidade Federal do Ceará (UFC) 6.278
8 Universidade Federal da Bahia (UFBA) 6.170
9 Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) 5.988
10 Universidade Federal do Maranhão (UFMA) 5.884
11 Universidade Federal de Sergipe (UFS) 5.640
12 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) 5.520
13 Universidade Federal de Alagoas (Ufal) 5.423
14 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE) 5.342
15 Universidade Federal do Piauí (UFPI) 5.264
16 Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) 5.026
17 Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) 4.959
18 Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) 4.645
19 Universidade Federal de Goiás (UFG) 4.494
20 Universidade Estadual do Piauí (UESPI) 4.215
21 Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ) 3.870
22 Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) 3.620
23 Universidade Federal de Pelotas (UFPEL) 3.429
24 Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) 3.319
25 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB) 3.290
26 Universidade Federal de Viçosa (UFV) 3.255
27 Universidade Federal de Uberlândia (UFU) 3.204
28 Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) 2.998
29 Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) 2.917
30 Universidade Federal de Ouro Preto (Ufop) 2.799
31 Universidade Federal de São João del Rei (UFSJ) 2.755
32 Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) 2.720
33 Universidade do Estado da Bahia (Uneb) 2.610
34 Universidade Federal do Rio Grande (Furg) 2.571
35 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA) 2.542
36 Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) 2.509
37 Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio) 2.443
38 Universidade Federal do Amazonas (Ufam) 2.439
39 Universidade do Estado de Mato Grosso Carlos Alberto Reyes Maldonado (Unemat) 2.350
40 Universidade Federal do Acre (Ufac) 2.300
41 Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) 2.272
42 Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) 2.251
43 Fundação Universidade Federal do Pampa (Unipampa) 2.228
44 Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS) 2.134
45 Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) 2.132
46 Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca (Cefet-RJ) 2.080
47 Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) 2.063
48 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IFMA) 2.050
49 Universidade Federal de Lavras (Ufla) 2.005
50 Fundação Universidade Federal do ABC (UFABC) 1.988
51 Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM) 1.958
52 Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) 1.926
53 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo (Ifes) 1.907
54 Universidade de Pernambuco (UPE) 1.800
55 Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) 1.746
56 Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) 1.718
57 Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) 1.710
58 Universidade Federal de Alfenas (Unifal-MG) 1.689
59 Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) 1.620
60 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) 1.497
61 Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa) 1.485
62 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina (IFSC) 1.472
63 Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa) 1.360
64 Universidade Federal do Paraná (UFPR) 1.287
65 Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste) 1.238
66 Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) 1.232
67 Universidade Federal de Itajubá (Unifei) 1.230
68 Universidade Federal de Rondonópolis (UFR) 1.213
69 Fundação Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) 1.189
70 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Brasília (IFB) 1.162
71 Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab) 1.142
72 Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra) 1.135
73 Universidade Estadual do Paraná (Unespar) 1.117
74 Universidade Estadual de Alagoas (Uneal) 1.115
75 Universidade Federal de Jataí (UFJ) 1.080
76 Universidade Federal do Cariri (UFCA) 1.070
77 Universidade Federal de Catalão (UFCat) 1.070
78 Universidade Federal do Delta do Parnaíba (UFDPAR) 1.036
79 Universidade Federal do Oeste da Bahia (Ufob) 1.021
80 Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb) 993
81 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão Pernambucano (IFSertão-PE) 969
82 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Catarinense (IFC) 953
83 Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM) 944
84 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano (IF Baiano) 925
85 Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (Cefet – MG) 912
86 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Minas Gerais (IFMG) 885
87 Universidade Federal da Integração Latino-Americana (Unila) 841
88 Fundação Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) 815
89 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense (IF Fluminense) 775
90 Fundação Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) 767
91 Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro) 733
92 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro (IFRJ) 723
93 Universidade Federal de Roraima (UFRR) 719
94 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-Rio-Grandense (IFSul) 697
95 Fundação Universidade Federal do Tocantins (UFT) 688
96 Fundação Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA) 670
97 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amapá (Ifap) 664
98 Universidade Estadual de Maringá (UEM) 661
99 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais (IFNMG) 646
100 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Alagoas (Ifal) 620
101 Universidade Estadual de Londrina (UEL) 589
102 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco (IFPE) 581
103 Universidade Federal do Agreste de Pernambuco (Ufape) 560
104 Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (UENF) 558
105 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sudeste de Minas Gerais (IFSEMG) 542
106 Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) 470
107 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Sergipe (IFS) 432
108 Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal) 400
109 Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP) 368
110 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul (IFMS) 320
111 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas (Ifam) 310
112 Universidade Federal do Norte do Tocantins (UFNT) 280
113 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sul de Minas Gerais (IFSULDEMINAS) 270
114 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás (IFG) 184
115 Faculdade de Educação Tecnológica do Estado do Rio de Janeiro Fernando Mota (FAETERJ-Rio) 184
116 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins (IFTO) 178
117 Colégio Pedro II (CP II) 160
118 Universidade do Distrito Federal (UnDF) 160
119 Escola Nacional de Ciências Estatísticas (Ence) 120
120 Instituto Superior de Educação do Rio de Janeiro (Iserj) 120
121 Faculdade de Educação Tecnológica do Estado do Rio de Janeiro (Faeterj – Paracambi) 112
122 Faculdade de Educação Tecnológica do Estado do Rio de Janeiro (Faeterj – Petrópolis) 92
123 Faculdade Municipal de Educação e Meio Ambiente (Fama) 86
124 Instituto Superior de Educação Professor Aldo Muylaert (Isepam) 72
125 Faculdade de Educação Tecnológica do Estado do Rio de Janeiro (Faeterj-Caxias) 56
126 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Roraima (IFRR) 49
127 Faculdade de Medicina de Marília (Famema) 6

Sobre Redação Educadora

Verifique também

Brasil se aproxima de 6 milhões de casos e 4 mil mortes por dengue

O painel de monitoramento de arboviroses do Ministério da Saúde contabiliza 5.968.224 casos prováveis de …

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x