Com Rayssa, Pâmela e Kelvin, Brasil tem 17 representantes no pré-olímpico de skate street

O Brasil terá 17 representantes no pré-olímpico de skate street em Roma, na Itália. A competição, que marca o início do ciclo das Olimpíadas de Paris 2024 para a modalidade, contará com grandes nomes do skate nacional como os medalhistas olímpicos, Kelvin Hoefler e Rayssa Leal, e a bicampeã da liga mundial, Pâmela Rosa.

O torneio de Roma terá competições entre os dias 26 de junho e 3 de julho e somará pontos para o ranking mundial, critério de classificação para os Jogos Olímpicos. As regras se assemelham aos Jogos de Tóquio e a Liga Mundial (SLS) onde os skatistas terão que demonstrar voltas completas e manobras individuais.

A nota de cada skatista será composta pela somatória de três notas: a volta de maior pontuação e as duas manobras de maior nota. Cada skatista tem direito de realizar duas voltas e cinco tentativas de manobra em cada fase da competição.

Os representantes do Brasil  

O Brasil vai promover em Roma um encontro entre o presente e o futuro do skate. Enquanto atletas renomados da modalidade tentam se reafirmar e buscam voltar aos Jogos Olímpicos, novos nomes do skate brasileiro sonham com sua primeira participação.

O torneio define que os 5 melhores skatistas do mundo e os medalhistas olímpicos de Tóquio têm uma vantagem: entrar direto na segunda fase do torneio. O critério da World Skate, federação internacional da modalidade, beneficia três skatistas do Brasil: Kelvin Hoefler, Rayssa Leal e Pâmela Rosa.

Do sexto até o 30º colocado do ranking também têm vaga no evento, entrando na fase de classificatórias. São os casos de Gabriela Mazetto, Felipe Gustavo, Giovanni Vianna, Carlos Ribeiro e Ivan Monteiro. Desses, Felipe e Giovanni já tem experiências nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Além disso, cada país ainda tem o direito de indicar alguns skatistas, que também entram nas classificatórias. Por esse critério, o Brasil terá Marina Gabriela, Kemily Suiara, Carla Karolina, Gabryel Aguilar, Eduardo Neves, João Lucas Alves, Wilton Souza, Wacson Mass e Filipe Mota.

Ausências sentidas

 

Dois nomes muito promissores integrantes da Seleção Brasileira de Skate Street ficaram de fora de Roma por estarem se recuperando de lesões nos joelhos: Virgínia Fortes-Águas, atual campeã da liga europeia, e Lucas Rabelo, atual vice-campeão da Liga Mundial.

Veja a lista completa dos brasileiros em Roma

 

Feminino

Carla Karolina – 17 anos – Maceió (AL)
Gabriela Mazetto – 24 anos – Praia Grande (SP)
Kemily Suiara – 21 anos – Brasília (DF)
Marina Gabriela – 19 anos – Campinas (SP)
Pâmela Rosa – 22 anos– São José dos Campos (SP)
Rayssa Leal – 14 anos – Imperatriz (MA)

Masculino

Eduardo Neves – 20 anos – Curitiba (PR)
Felipe Gustavo – 31 anos – Brasília (DF)
Filipe Mota – 15 anos – Patos de Minas (MG)
Gabryel Aguilar – 23 anos– São Paulo (SP)
Giovanni Vianna – 21 anos – Santo André (SP)
Ivan Monteiro – 22 anos – São Paulo (SP)
João Lucas Alves – 21 anos – Cachoeirinha (RS)
Kelvin Hoefler – 28 anos – Guarujá (SP)
Wacson Mass – 22 anos – São Paulo (SP)
Wilton Souza – 28 anos – Maringá (PR)

Fonte: (Rádio Educadora do Maranhão/ Agência Nacional)

Sobre Jornalismo

Verifique também

Proposta de estádio para Cruzeiro: Betim anuncia parceria público-privada para construir arena

Em entrevista coletiva, na manhã desta quarta-feira, o prefeito de Betim, Vittório Medioli (sem partido), …

Deixe um comentário