Polícia Federal Investiga vazamento da Redação do ENEM 2023 nas Redes Sociais

Nesta quarta-feira (24), a Polícia Federal iniciou uma operação para apurar o vazamento indevido, em plataformas de mídia social, da prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2023.

A investigação teve início a partir de informações fornecidas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela organização do exame. A PF identificou um suspeito na cidade de Sobral, no Ceará.

Existem evidências de divulgação irregular do tema da redação relacionado ao caderno rosa, durante a realização do exame.

A Operação Limite Virtual está executando dois mandados de busca e apreensão, autorizados pela Justiça Federal em Sobral.

As ações do investigado podem, em tese, configurar crime de fraude em certame de interesse público, sujeito a penas que podem chegar a oito anos de prisão.

O nome da operação foi escolhido para conscientizar as pessoas sobre os limites que devem ser respeitados nas redes sociais.

Sobre Redação Educadora

Verifique também

Brasil se aproxima de 6 milhões de casos e 4 mil mortes por dengue

O painel de monitoramento de arboviroses do Ministério da Saúde contabiliza 5.968.224 casos prováveis de …

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x