segunda-feira , 1 março 2021

Prefeitura de São Luís elabora protocolo contra Covid para retomada de práticas coletivas de esporte e lazer.

Para retomada das atividades das escolinhas de esporte e a realização de práticas coletivas de lazer em áreas públicas da capital, a Prefeitura de São Luís, por meio das secretarias municipais de Saúde (SEMUS) e de Desporto e Lazer (SEMDEL), já está elaborando um protocolo sanitário para o combate e prevenção à Covid. O objetivo é realizar as atividades da forma mais segura possível, tanto para quem as pratica, quanto para os profissionais que atuam na área.
Os secretários de Desporto e Lazer, Ricardo Diniz, e da Saúde, Joel Nunes Júnior, se reuniram para tratar sobre o tema. Na ocasião, os gestores também conversaram a respeito da realização de ações de saúde voltadas para crianças e adultos que integram os programas de desporto e lazer colocados em prática pela Prefeitura de São Luís.
O secretário Ricardo Diniz informou que a retomada das atividades faz parte do plano de ação de 100 dias que está sendo planejado pela SEMDEL, seguindo determinação do prefeito Eduardo Braide. “Estamos fazendo o calendário oficial anual de todas as atividades e estamos trabalhando para levar o esporte e lazer para os bairros. Teremos caminhadas, campeonatos nos bairros, interbairros, jogos de salão, futebol, vôlei, artes marciais, basquete e aulas de zumba, entre outras atividades. Mas vamos fazer isso com responsabilidade, daí a importância do protocolo sanitário”, destacou o secretário acrescentando que na reunião com o secretário de Saúde também foi tratado sobre o atendimento às crianças e jovens que participam das escolinhas, para que possam ter acesso facilitado à rede municipal de saúde.
“A partir desse protocolo básico para retomada das atividades vamos fazer um planejamento mais concreto. O principal desafio para o desenvolvimento das ações que estão sendo propostas é ultrapassarmos a pandemia. Sabemos que este é um fato real. O protocolo para o reinício das atividades está sendo trabalhado e a gente tem o maior interesse em voltar com as ações nos bairros o mais breve possível”, disse Ricardo Diniz.
A imagem pode conter: uma ou mais pessoas
 
 
 
 
 

Sobre Redação Educadora

Verifique também

Gana é primeiro país a receber vacinas financiadas pelo sistema Covax

O anúncio foi feito em comunicado conjunto pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e o …

Deixe uma resposta